Na última quinta-feira (29), a diretora executiva e fundadora da empresa startup BenditoVerde.com, Daniela Las Casas Duarte ministrou a palestra “Reciclar e lucrar: o resíduo como ativo financeiro”, alusiva a Semana Lixo Zero 2015, durante o CRA Recebe.  O evento reuniu Administradores, Conselheiros e membros da Câmara de Responsabilidade Social e Sustentabilidade, na sede do CRA-RS, em Porto Alegre.

Na oportunidade, a empresária apresentou o cenário da reciclagem no país, a compra e venda de resíduos sólidos urbanos recicláveis no nosso Estado e a missão socioambiental que a BenditoVerde busca e o papel que ela ocupa no mercado da reciclagem. “Quando reciclamos, quem realmente ganha é a natureza. O Brasil perde R$ 8 bilhões por ano, porque deixa de reciclar estes materiais, logo muitos são enviados para aterros inadequadamente”, destacou.

A plataforma BenditoVerde tem a finalidade de facilitar a logística do descarte ambientalmente correto e seguro e a compra de resíduos sólidos recicláveis, além de oferecer auxílio nas negociações entre compradores, recicladores, vendedores e fornecedores de diversos tipos de resíduos. A empresa também atua em busca de construir uma rede colaborativa. “A nossa startup busca uma economia colaborativa, criativa em benefício do meio ambiente e da reciclagem sustentável”, explicou Daniela. 

O Brasil está entre os países que mais recicla papel e alumínio. Ocupa 7º lugar no ranking das nações que mais reciclam alumínio e em 13º na reciclagem de papel. Segundo a diretora, Porto Alegre é pioneira em ações para o meio ambiente. “É a primeira capital do país que desenvolveu uma Secretária Municipal do Meio Ambiente. Nós acreditamos que o Brasil tem potencial para reverter os números da reciclagem”, enfatizou a fundadora da startup.

A BenditoVerde possibilita a compra direta do usuário com o comprador, amostras online, visita técnica online, valorização do produto, além de facilitar a comunicação entre comprador e vendedor. “Oferecemos o descarte ambientalmente correto, ágil e lucrativo”, frisou a palestrante.

Segundo Daniela, a educação ambiental é fundamental para a conscientização e compreensão sobre os resíduos, entretanto não é a solução para o descarte apropriado. “É necessário que as pessoas saibam o que é reciclável e o que é rejeito, contudo ela não resolve todo o problema do desperdício do material reciclável”, concluiu a diretora executiva.

Estiveram presentes na ocasião, a Gestora Ambiental da BenditoVerde, Fernanda Giordani; o membro da Câmara de Responsabilidade Social e Sustentabilidade do CRA-RS, o Adm. Cleberson Vieira e demais membros da Câmara.