Profissionais e estudantes da área da Administração lotaram a sala 102 do prédio 97B do TecnoPuc para acompanhar a primeira edição do “Novas Conexões”, promovido pela Câmara de Jovens Administradores do CRA-RS em conjunto com a Escola de Negócios da PUCRS. na noite desta quinta-feira (21/03). O encontro foi conduzido pelo professor da Escola Politécnica da PUCRS, Jorge Horácio Audy e pelo membro da Câmara Jovem do CRA-RS, Adm. Alexandre Ascal de Melo, que falaram sobre ferramentas ágeis e liderança disruptiva. 
 
Em uma conversa descontraída, o Adm. Alexandre Ascal contou as experiências profissionais que o levaram a começar a trabalhar com a “liderança disruptiva”. Em sua visão, o conceito tem ganhado espaço no mercado de trabalho à medida em que os profissionais precisam executar as tarefas de forma mais rápida e mais assertiva. “O Administrador sai de casa sem saber qual o problema que vai enfrentar, como vai resolver e de que forma vai lidar com seus stakeholders. Por isso, o mercado em que o líder disruptivo vive é aquele baseado na sociedade do compartilhamento”, explicou.
 
Além de comentar os diferentes tipos de disrupção – exponencial, planejada e tardia – Ascal falou sobre as principais qualidades dos líderes disruptivos. Entre elas estão o domínio de ferramentas ágeis que, em sua visão, têm a capacidade de agregar valor aos profissionais para que os problemas sejam resolvidos no menor tempo possível. 
 
Indo mais a fundo sobre as ferramentas ágeis, Jorge Audy defendeu que a toolbox – ou em tradução literal “caixa de ferramentas” – dos Administradores precisa ser preenchida com conhecimentos multidisciplinares. “Vocês estão estudando para serem profissionais do conhecimento. Se vocês não tiverem essa caixa de ferramentas completa e estarem dispostos a colaborar com as outras áreas da empresa, profissionais que fazem isso vão ocupar os seus lugares”, aconselhou.
 
Audy ressaltou a importância que a integração entre as áreas tem para gerar um ambiente propício para o desenvolvimento da inovação e das capacidades individuais dos funcionários. A exemplo da dinâmica que ele costuma executar dentro das empresas onde realiza consultorias, ele promoveu uma atividade em que os participantes tiveram um minuto para se apresentar profissionalmente. Reunidos em grupo de quatro pessoas, eles realizaram o exercício, que tinha como principal objetivo encontrar pontos em comum que pudessem resultar na promoção de projetos em conjunto. “Foi muito bom realizar a atividade porque, às vezes estamos do lado de uma pessoa com quem temos objetivos em comum e nem sabemos”, comentou o representante comercial Lucas Martins. 
 
O evento também contou com a presença da presidente da Câmara de Jovens Administradores, Adm. Jaqueline Trimpler e da delegada do CRA-RS em Osório, Adm. Nara Maria Müller, que falou sobre a importância do registro profissional e convidou os alunos a se aproximarem do Conselho.