O segundo dia do FIA/Mundial 2013, em Gramado (RS), foi marcado pelo debate de diferentes temas com a presença de conferencistas renomados do Brasil e do exterior. A palestra de abertura, “Megatendências para o futuro: o que podemos fazer agora para o futuro da Administração e dos Negócios”, com John e Doris Naisbitt lotou o auditório principal do Centro de Eventos em Gramado (RS) e chamou a atenção pelo otimismo dos conferencistas em relação ao futuro do Brasil.

“O que se pode ganhar falando das coisas de forma negativa?”, disse Doris Naisbitt. “O mundo está mudando e as oportunidades de hoje são melhores do que já foram. Tire vantagem disso. Você tem a escolha: se baseie pelos acontecimentos do passado ou pelas visões do futuro”, complementou John Naisbitt.

A tarde, os trabalhos seguiram com a conferência internacional “Desenvolvimento de Carreiras na nova ordem mundial”, ministrada pelo professor Alberto Cabrera, que, entre outros pontos, apresentou tendências do ensino superior americano que afetam a carreira profissional, como o uso da tecnologia e e-books pelos acadêmicos e a forma como são utilizados.

Na sequencia, foi a vez de Rivadávia Corrêa Drummond de Alvarenga Neto, reitor do UniBH – Centro Universitário de Belo Horizonte, abordar o tema “A nova era do empreendedorismo e da inovação”. Em sua exposição, trouxe cases de empresas inovadoras instigando o público para o tema da inovação, não só tecnológica, de produto, mas também do modelo de negócios.

Fechando a programação do segundo dia de congresso, a assessora em promoção do Escritório de Imigração do Quebec no México, Perla Haro Ruiz apresentou as oportunidades para Administradores brasileiros na maior província canadense.

Clique aqui e confira a cobertura completa deste segundo dia de FIA/Mundial no nosso Informativo Diário.