Seguindo a recomendação ao Decreto Municipal nº 20.505, de 17/02/2020, que declarou situação de emergência em Porto Alegre, e ao Decreto Estadual nº 55.128, de 19/03/2020, que declarou estado de calamidade em todo o Rio Grande do Sul, as equipes do CRA-RS estão atuando em Home Office. 
 
E para atender com excelência aos registrados, mas também garantir o bem-estar dos profissionais da autarquia nesse novo modelo de trabalho, as lideranças do CRA-RS criaram grupos para implementar boas práticas durante esse período. “Conversamos com os colegas e todos puderam contribuir com sugestões, explicar suas rotinas e realidades familiares. O objetivo é criar uma rotina de trabalho viável e saudável para todos”, comenta a presidente do CRA-RS, Adm. Claudia Abreu. 
 
Ela acrescenta que o trabalho em Home Office tem funcionado bem, inclusive com reuniões e plenárias virtuais, e que atendimentos emergenciais são realizados presencialmente, após agendamento prévio feito pelo WhatsApp (51) 99625-2079.
.  
O coordenador de fiscalização e registro do CRA-RS ADM. Durand Uminski, que está gerenciando as demandas neste período, reforça que todos os setores do Conselho estão funcionando normalmente. “ A fiscalização, o registro de pessoa física, o registro de pessoa jurídica e outras demandas do setor de registros também estão sendo atendidas de forma não presencial para garantir o atendimento aos registrados”, completa.
 
ALGUMAS DAS PRINCIPAIS MEDIDAS ADOTADAS PELO CRA-RS:
 
- Somente serão realizados atendimentos presenciais realmente essenciais e urgentes, e estes só poderão ser feitos mediante agendamento prévio pelo Whatsapp (51) 99625-2079.
 
- As soluções de demandas serão realizadas por meio da internet. Todos os serviços online do site do CRA-RS continuam funcionando normalmente.
 
- Todas as reuniões presenciais e as plenárias foram suspensas e estão ocorrendo virtualmente.
 
- Os prazos dos processos de sindicância, processos administrativos disciplinares, prazos para interposição de reclamações e recursos administrativos, bem como dos demais processos internos que dependam de quórum de aprovação foram suspensos temporariamente.
 
- Empréstimos de salas ou auditório na sede do Conselho para realização de eventos e atividades (palestras, workshops, cursos, entre outros) também fora excepcionalmente suspensos, a fim de evitar o fluxo de pessoas no prédio.
 
No decorrer do período a diretoria irá avaliar continuamente a evolução da pandemia e das orientações das autoridades, podendo adotar novas medidas.
 
Saiba mais sobre a resolução acessando este link. (http://www.crars.org.br/arquivos/RN-CRARS-002-2020.pdf)